Dia 17 de Novembro
Dia Mundial da Prematuridade

O mês de novembro foi escolhido para tratar sobre a Prematuridade no mundo. O Novembro Roxo tem objetivo de promover ações e atividades que tratem da prevenção, dos cuidados e do desenvolvimento do prematuro.

O dia 17 de novembro foi escolhido como o Dia Mundial da Prematuridade, a fim de nos tornar sensíveis conhecedores de um tema que atinge não só o recém-nascido, mas toda sua família.

Para marcar a data, Dra. Maria Cristina Ferreira Lopes, Coordenadora do Complexo Neonatal do Hospital da Mulher Mariska Ribeiro, gerido pelo CEPP desde sua inauguração em 2012, entrevista a paciente Lucineide Valentim de Oliveira, mãe do Samuel.

Lucineide foi internada no Hospital com 31 semanas de gestação com diagnóstico de hipertensão gestacional e precisou ser transferida às pressas para uma unidade hospitalar que disponibilizasse UTI adulta logo após o parto de Samuel, que nasceu pesando cerca de 850g e foi imediatamente internado na UTI neonatal da unidade.

Os dois se reencontraram após 24 dias e desde então não se separaram mais, e desde sua alta hospitalar, em agosto de 2020, Samuel faz acompanhamento no NAIRR (Núcleo de Atenção ao Recém-nascido de Risco) da unidade.

 

Dra. Maria Cristina representa toda a equipe do Complexo Neonatal, composta por técnicos de enfermagem, enfermeiros, médicos, fisioterapeutas, fonoaudiólogos, terapeutas ocupacionais, além do suporte da equipe psicossocial, de nutrição e higiene.

Ela e todos esses profissionais maravilhosos recebem hoje nossas homenagens, pelo árduo, incansável, qualificado e comprometido trabalho.